Podemos dizer que a dermatite canina é um dos problemas que estão mais presentes entre os pets, tratando-se de uma doença infecciosa da pele que causa coceira extrema, vermelhidão e lesões. Entre os tipos de dermatite, algumas são mais conhecidas do que as outras e cada uma possui suas características particulares, porém os sintomas de formas geral podem ser bastante parecidos. Quando falamos em cachorros, a dermatite normalmente pode aparecer ainda entre os primeiros três meses de vida e os seis anos de idade.

Mas se você é um tutor e seu cãozinho apresentou sintomas dessa doença, mantenha a calma, pois ela tem cura e várias formas de prevenção. Entre as causas mais comuns, estão a má alimentação, bactérias, entre outros. Se você quer saber mais sobre como prevenir seu amigo, fique ligado nas dicas que trouxemos neste post.

Prevenção:

A dica de ouro para prevenir saeu doguinho contra a dermatite canina é o cuidado. Se ele tiver bastante pelo, procure escová-lo com frequência, após o banho, veja se o mesmo está sequinho e mantenha-se sempre atento a saúde da pele, se ela apresenta alterações e sinais que podem ser um alerta de que algo não está indo bem.

A dermatite canina é um problema comum, por isso é normal que seu pet passe por isso em algum momento, porém, tomando os devidos cuidados, é possível diminuir ao máximo as possibilidades de isso acontecer.

4 dicas para eliminar o "coça-coça":

  • Não abra mão da utilização de antipulgas e parasitas;
  • Use somente produtos próprios para cães durante o banho; 
  • Seque bem a pele do seu amigo para que se evite ao máximo a proliferação de fungos que venham causar futuros problemas; 
  • LIMPEZA: Mantenha sempre a casa e os acessórios do seu cãozinho bem limpos e livre de ácaros.

 

Quando se trata da dermatite, é válido destacar que existem alguns exames que podem ser realizados de forma preventiva, além de testes que podem ser feitos pelo seu veterinário de confiança. Porém, talvez o mais importante ainda seja a limpeza, como falamos anteriormente. Quando você realiza uma limpeza completa do local em que o seu cão passa a maior parte do tempo, os focos de mofo, pólen e poeira são eliminados. Com isso, outros possíveis alérgenos vindos de pulgas, ácaros, entre outros, também são extintos do ambiente.

Para que seu doguinho tenha uma vida plena ao seu lado, além dessas recomendações, não abra mão de uma vida saudável com alimentação balanceada e exercícios. Leve-o a um veterinário pelo menos uma vez ao ano e dê muito carinho e atenção, pois estes estão mais do que liberados. Afinal, não tem sistema imune que não fique maravilhoso com muito amor, não é mesmo?

Apesar de ser  um problema “comum”, a dermatite pode ser muito incômoda tanto para cachorros, quanto para gatos, e pode ser evitada quando seguimos passos simples, como os que elencamos aqui para você. A palavra é “prevenção”. Tendo cuidado com a limpeza, produtos, alimentação... As chances de seu amigo de 4 patas ter uma vida mais plena é maior!

Esperamos que você tenha curtido o post de hoje. Se gostou, não esqueça de compartilhar com seus amigos, tá?

Confira a linha completa para Pets em nosso site. Até a próxima!